Imprimir Post

Gerenciamento da qualidade do Projeto – Introdução

Resumo:

Introduzir o leitor a área de conhecimento de gerenciamento da qualidade do projeto.

Palavras-chaves:

Gerenciamento, Qualidade, Projeto, PMBOK, Introdução.

Texto:

Caros leitores,

Uma das palavras mais recorrentes, tanto nas falas dos profissionais de gerenciamento de projetos, quanto nas palavras de profissionais de serviços, esta palavra é qualidade. Mas o que é qualidade? O que significa esta palavra pequena mas com tanto poder?

O primeiro passo é entender como os estudiosos do assunto definem qualidade:

TERM_QLD_DEMINGTERM_QLD_CROSBYTERM_QLD_FALCONI

TERM_QLD_PMBOKDas quatro definições apresentadas, o autor considera a definição apresentada por Vicente Falconi, a mais apropriada para quem atua com gerenciamento de projetos, por considerar esta mais completa e precisa.

Vale ressaltar que qualidade é subjetivo, ou seja, varia de pessoa para pessoa, de projeto para projeto, entre outros. Isto significa que, nem sempre o que é bom para A, será bom para B. Qualidade é relativo.

Mas se qualidade é relativo, como o gerente de projeto irá conduzir um projeto de maneira satisfatória, ou seja, com qualidade? Como definir o que será considerado qualidade para um projeto?

O primeiro ponto são os requisitos que foram acordados. Eles são fundamentais para que o produto, serviço ou resultado do projeto possa ser satisfatório ao cliente.

O segundo ponto é que o PMBOK tem uma área de conhecimento somente para tratar disto, trata-se da área de gerenciamento da qualidade do projeto, que possui os processos e atividades responsáveis por determinar as políticas de qualidade e, por consequência, garantir que o projeto satisfaça as necessidades estipuladas. Basicamente, o gerenciamento da qualidade do projeto irá trabalhar para garantir que os requisitos do projeto, sejam atendidos.

Sem maiores delongas, seguem os processos que compõem esta área do conhecimento:

  • Planejar o gerenciamento da qualidade: este processo irá identificar e definir os requisitos e padrões de qualidade para o projeto e suas entregas, além de gerar o plano de gerenciamento da qualidade, que documentará como o projeto irá demonstrar a conformidade com os requisitos e padrões de qualidade.
  • Realizar a garantia da qualidade: este processo é responsável por auditar os requisitos de qualidade e os resultados das medições de controle de qualidade, a fim de garantir o uso dos padrões de qualidade esperados.
  • Realizar o controle da qualidade: processo responsável por monitorar e registrar os resultados da execução das atividades de qualidade, a fim de avaliar o desempenho e, se necessário, recomendar mudanças.

Ressalta o autor que, a falta de qualidade em projetos pode gerar diversos impactos ao projeto e a equipe de gerenciamento de projetos, entre eles:

  • Cancelamento do projeto;
  • Retrabalho;
  • Aumento dos custos por conta do retrabalho;
  • Danos à imagem dos profissionais;
  • Danos à imagem da organização.

A abordagem atual do gerenciamento da qualidade busca maximizar alguns pontos, a fim de cumprir os requisitos, sendo estes:

  • Garantir a satisfação do cliente, por meio do entendimento e gerenciamento das expectativas das partes interessadas, evitando possíveis problemas com estas.
  • Trabalhar de maneira preventiva, e não reativa, ou seja, a qualidade deve ser planejada e executada com o projeto, e não somente avaliada na hora da entrega.
  • Trabalhar para fazer certo e da primeira vez, evitando possível retrabalho e perda de tangíveis e intangíveis.

Considerações finais:

Assim, caros leitores, encerra-se a postagem introdutória ao processo de gerenciamento da qualidade do projeto, área responsável por garantir que o projeto consiga entregar o que é esperado dele.

Esta área de conhecimento se vale de somente três processos, mas que são de extrema valia para quem pretende gerenciar projetos de maneira profissional:

Referências bibliográficas:

http://www.infoescola.com/administracao_/definicoes-de-qualidade/ acessado em 27/10/2015

Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK) – 5ª Edição – Project Management Insititute, Inc.

Sobre o autor

Daniel Teran Duarte

Formado em análise e desenvolvimento de sistemas e pós-graduado em Administração de empresas pela FGV – Fundação Getúlio Vargas, e em Consultoria empresarial pela FIA – Fundação Instituto de Administração. Em seus conhecimentos complementares existem diversas certificações, com destaque para as seguintes: Formado em análise e desenvolvimento de sistemas e pós-graduado em Administração de empresas pela FGV – Fundação Getúlio Vargas, e em Consultoria empresarial pela FIA – Fundação Instituto de Administração.

Em seus conhecimentos complementares existem diversas certificações, sendo estas: PMP – Project Management Professional; PRINCE2® Practitioner; PSM I – Professional Scrum Master I; DEVOPS Master; HCMP® 3G Expert Professional; MCP - Microsoft Project 2013; ITIL V3 Expert; ISO 20.000 Consultant Manager; HDI SCM - Support Center Manager; Cobit; ISO 9001:2015 Auditor Líder; ISO 22301:2012 Auditor Líder.

Para conhecer mais sobre Daniel Teran Duarte, visite o perfil no Linkedin ou encaminhe um e-mail.

Link permanente para este artigo: http://linksinergia.com.br/2016/02/14/gerenciamento-da-qualidade-do-projeto-introducao/