Imprimir Post

Gerenciar as comunicações – Ger. das comunicações – Parte 2

Resumo:

Apresentar as ferramentas e técnicas do processo gerenciar as comunicações.

Palavras-chaves:

Gerenciar, Comunicações, Processos, Projeto, Gerenciamento, PMBOK.

Texto:

Caros leitores,

Na última postagem o autor realizou a introdução ao processo gerenciar as comunicações, que tem o objetivo de fazer com que as comunicações do projeto ocorram de maneira efetiva e eficiente. Para alcançar tal objetivo, o processo gerenciar as comunicações se vale do plano de gerenciamento da comunicação, que possui uma série de definições, dentre estas as ferramentas e técnicas que serão adotadas pelo processo.

Gerenciar as comunicações – Ferramentas e técnicas:

  • Tecnologias de comunicações: apresentadas em postagens anteriores, as tecnologias de comunicações são determinadas pelo gerente de projeto e pela equipe de gerenciamento do projeto durante a criação do plano de gerenciamento das comunicações. Para tal definição, uma série de considerações são feitas, a fim de que o projeto possua um processo de comunicação eficiente e eficaz. As tecnologias vão desde e-mails, memorandos, vídeos, blogs e outros.

Gerenciar as comunicações - Relembre

  • Modelos de comunicações: os modelos de comunicações influenciam, de maneira direta, como a informação do projeto será distribuída, mas também influenciam na averiguação do correto entendimento por parte do emissor. Existem diversos tipos de modelos de comunicações, podendo variar de acordo com a complexidade do projeto, cultura da organização e outros.

Gerenciar as comunicações - Modelos de comunicações

  • Métodos de comunicação: já explanados anteriormente, os métodos de comunicação abordam o tipo de comunicação que, de maneira resumida, podem ser enquadrados como comunicação interativa, passiva ou ativa. A complexidade do projeto, a capacitação do gerente de projeto, os canais de comunicação disponíveis, ferramentas e outros, poderão influenciar na escolha do método.

Gerenciar as comunicações - Métodos de comunicação

  • Sistemas de gerenciamento das informações: tratam-se de sistemas que permitem que o gerente de projeto possa coletar, armazenar e distribuir informações para as partes interessadas, além de permitir consolidar informações sobre os custos do projeto, utilização de recursos humanos e outros tipos de relatórios. Estes sistemas podem ser ou não digitais, porém na maioria das vezes são digitais e bem conhecidos no meio de projetos, dentre eles estão o Microsoft Project, Primavera e o Openproject.
  • Relatórios de desempenho: trata-se da ação de coletar, consolidar e distribuir informações sobre o desempenho do projeto, incluindo pontos como:
    • Análise de desempenho do projeto;
    • Análise de previsões;
    • Situação dos riscos do projeto;
    • Trabalho concluído;
    • Resumo de mudanças aprovadas.

Vale destacar que as informações contidas nos relatórios de desempenho devem ser úteis e eficientes em prover informações, e não dados aglutinados e sem significados.

Considerações finais:

Assim, caros leitores, encerra-se a postagem sobre ferramentas e técnicas que compõem o processo gerenciar as comunicações. Se você costuma acompanhar a série de postagens, deve ter notado que, em grande parte, o processo gerenciar as comunicações se vale de técnicas e ferramentas apresentadas no processo planejar o gerenciamento das comunicações. Note que isto é mais do que normal, principalmente se você tiver em mente que o processo gerenciar as comunicações terá como diretriz o plano de gerenciamento das comunicações, ou seja, não há como fugir do que foi definido anteriormente.

Referências Bibliográficas:

Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK) – 5ª Edição – Project Management Institute, Inc.

Sobre o autor

Daniel Teran Duarte

Formado em análise e desenvolvimento de sistemas e pós-graduado em Administração de empresas pela FGV – Fundação Getúlio Vargas, e em Consultoria empresarial pela FIA – Fundação Instituto de Administração. Em seus conhecimentos complementares existem diversas certificações, com destaque para as seguintes: Formado em análise e desenvolvimento de sistemas e pós-graduado em Administração de empresas pela FGV – Fundação Getúlio Vargas, e em Consultoria empresarial pela FIA – Fundação Instituto de Administração.

Em seus conhecimentos complementares existem diversas certificações, sendo estas: PMP – Project Management Professional; PRINCE2® Practitioner; PSM I – Professional Scrum Master I; HCMP® 3G Expert Professional; MCP - Microsoft Project 2013; ITIL V3 Expert; ISO 20.000 Consultant Manager; HDI SCM - Support Center Manager; Cobit; ISO 9001:2015 Auditor Líder; ISO 22301:2012 Auditor Líder.

Para conhecer mais sobre Daniel Teran Duarte, visite o perfil no Linkedin ou encaminhe um e-mail.

Link permanente para este artigo: http://linksinergia.com.br/2017/02/27/gerenciar-as-comunicacoes-p2/